MÃOS TALENTOSAS

Projeto qualifica adolescentes com deficiência para o mercado de trabalho

Projeto qualifica adolescentes com deficiência para o mercado de trabalho

O programa consiste na execução de estratégias pedagógicas em artes visuais tendo como foco a estamparia

O programa consiste na execução de estratégias pedagógicas em artes visuais tendo como foco a estamparia

Publicada há 3 semanas


Inserir a formação, educação para o trabalho, aperfeiçoamento e/ou qualificação profissional do adolescente com deficiência. Este é o objetivo do Projeto "Mãos Talentosas", selecionado por meio do Chamamento Público n° 02/2018. O projeto, cuja parceria foi celebrada em março deste ano, é realizado pela APAE-Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais e financiado pelo CMDCA-Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente. Consiste na execução de estratégias pedagógicas em artes visuais tendo como foco a estamparia.

“Esta ação vem responder o anseio do adolescente com deficiência, no sentido de oportunizar para que sejam independentes e autônomos, inclusive financeiramente, tendo uma fonte de renda, para que possam ter oportunidade de competição no mercado”, diz Ester Queiroz, responsável pelo programa.

O vice-prefeito e secretário municipal de Assistência Social e Cidadania, Gustavo Pinato, destaca que “o trabalho de inclusão e formação educacional e profissional da pessoa com deficiência intelectual e ou múltipla busca superar fatores de exclusão e discriminação social, fortalecendo o compromisso em construir uma educação de qualidade com ênfase na educação especial profissional”.


FONTE: Secretaria Municipal de Assistência Social e Cidadania

últimas