RESGATADO

Bebê resgatado após adoção ilegal é entregue a nova família

Bebê resgatado após adoção ilegal é entregue a nova família

Segundo o juiz Evandro Pelarin, família que vai receber a criança estava esperando há pelo menos 6 anos.

Segundo o juiz Evandro Pelarin, família que vai receber a criança estava esperando há pelo menos 6 anos.

Publicada há 2 semanas


O recém-nascido que foi resgatado durante uma adoção ilegal foi entregue a uma nova família adotiva nesta sexta-feira, 7, em São José do Rio Preto.

O caso aconteceu no dia 22 de maio, quando a polícia impediu que a mãe biológica entregasse o bebê para outra mulher que criaria a criança. As duas foram presas nessa data, mas, passaram por audiência de custódia e tiveram a liberdade provisória decretada.

Segundo a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), Kauana Cavalcante Ferreira, de 19 anos, viajou do estado do Pará com destino a Rio Preto para entregar a criança de apenas 15 dias para a auxiliar de limpeza Lucinéia de Paula Ribeiro, de 43 anos.

Na ocasião, a mãe biológica disse ao Juiz da Vara da Infância e Juventude, Evandro Pelarin, que não tinha condições financeiras de cuidar do filho, e por isso, combinou com a Lucinéia, através de uma rede social, que entregaria a menina.

Enquanto a mãe biológica ainda estava detida, ela fez formalmente um documento dizendo que queria entregar o filho para adoção.

A Justiça ainda tentou localizar o pai do bebê, mas a mãe só sabia o primeiro nome do homem. Nenhum familiar dele foi encontrado.

Segundo o juiz Evandro Pelarin, a família que vai adotar a criança, dessa vez legalmente, estava aguardando há pelo menos seis anos. 

Fonte: sbtinterior.com

últimas