GENTILEZAS

Em vídeo emocionante, tenista nº 1 do mundo consola jovem promessa após vitória

Em vídeo emocionante, tenista nº 1 do mundo consola jovem promessa após vitória

Elogiada pela mídia e pelas próprias rivais por sua maturidade, Gauff se tornou a mais jovem finalista do evento.

Elogiada pela mídia e pelas próprias rivais por sua maturidade, Gauff se tornou a mais jovem finalista do evento.

Publicada há 2 semanas

A tenista Naomi Osaka, 21 anos, atual número 1 do Mundo no ranking WTA, não deu chances para a jovem estrela em ascensão Cori Gauff, 15 anos, no US Open. A japonesa se impôs sobre a americana e venceu por 2 a 0, parciais de 6/3 e 6/0.

Elogiada pela mídia e pelas próprias rivais por sua maturidade, Gauff se tornou a mais jovem finalista do evento individual feminino Junior no US Open. Também ganhou o Junior French Open em 2018, a segunda mais jovem a fazer tal feito.

Neste ano, se tornou a mais jovem tenista a se classificar para o torneio principal de um Grand Slam, e também a jogadora mais jovem a se classificar para a chave principal no torneio de Wimbledon.

Com a vitória, Osaka avança às oitavas de final, onde irá encarar a número 12 do ranking da WTA, a suíça Belinda Bencic, que avançou na terceira fase após a desistência da estoniana Anett Kontaveit.

O confronto foi marcado pelo altíssimo nível das jogadoras. Ao final da partida, a técnica cedeu lugar à emoção: Osaka convenceu Gauff a dar uma entrevista ao seu lado, algo incomum, já que o repórteres de quadra só costumam entrevistar os vencedores. 

Num primeiro momento, Gauff recusou a entrevista, dizendo que iria “acabar chorando”. Mas acabou sendo convencida pela japonesa, e confirmou sua previsão, chorando bastante.

Ela agradeceu o carinho da japonesa. “Foi incrível, ela foi incrível. Eu aprendi muito durante essa partida. Além disso, ela tem sido muito carinhosa comigo, então muito obrigado por isso.”
A número 1 do mundo, filha de uma mãe japonesa e de um pai haitiano, também não se conteve e começou a chorar ao mandar uma mensagem para os pais de Coco Gauff, que estavam na arquibancada. 

“Vocês criaram uma grande jogadora. Eu lembro de ver vocês treinando no mesmo lugar que a gente. Para mim, o fato de que nós duas conseguimos e que continuamos trabalhando o mais duro que podemos, penso que é incrível. Eu acho que vocês são incríveis. Coco, você é incrível”, disse Osaka, chorando. 

Naomi Osaka vs Cori Gauff

O início da partida foi marcado pela imposição de jogo da tenista japonesa. Já nos três primeiros games, ela confirmou próprio serviço e quebrou um da americana, abrindo vantagem de cara.

Gauff até chegou a esboçar uma reação, quebrando o saque da número 1 duas vezes, mas a resposta veio sempre na sequência. Ao final, melhor para Osaka, que fechou a primeira etapa em 6 a 3.

Com dificuldades para confirmar o serviço no segundo set, a estrela americana foi atropelada pela japonesa. O público foi ao delírio com as defesas impressionantes e os ataques cirúrgicos das atletas.

Fonte: https://razoesparaacreditar.com

últimas