PREJUÍZOS

Chuva acompanhada de vento forte destelha residências no Coester

Chuva acompanhada de vento forte destelha residências no Coester

Conforme relatos de moradores, a chuva trouxe alguns transtornos, mas também, o alívio de um calor que vinha acontecendo nos últimos dias em Fernandópolis

Conforme relatos de moradores, a chuva trouxe alguns transtornos, mas também, o alívio de um calor que vinha acontecendo nos últimos dias em Fernandópolis

Publicada há 1 mês

Da Redação

Uma forte chuva atingiu Fernandópolis, na tarde desta segunda-feira, 21, acompanhada de rajadas de fortes ventos, que destelhou casas no bairro Coester, zona leste do município, causando assim transtornos à população.

Foram 40 minutos de chuva forte. Na região do 16º Batalhão da Polícia Militar, em um trecho da Avenida Líbero de Almeida Silvares, houve queda de energia e os postes de iluminação ficaram inoperantes. Os bairros mais atingidos foram Brasilândia e Coester. Há registro de queda de árvore nas imediações do velório municipal e alagamentos em outros pontos do município.

"Há muito tempo não sentia um vento tão forte. Parte do meu telhado foi embora e meu prejuízo soma mais de R$ 2 mil", declarou o vendedor Paulo Roberto, de 42 anos, morador na rua Minas Gerais. 

Na mesma rua, a dona de casa Aparecida Maldonado, 55 anos, viu parte da cobertura de sua residência dos fundos ir abaixo. "A chuva é uma benção. Estava muito quente ultimamente. Infelizmente ela (chuva) não veio de forma branda como eu gostaria”, lamentou.

De acordo com os sites meteorológicos, a previsão é de que as chuvas continuem até quarta-feira, dia 23.

Residências no Coester ficaram com os telhados danificados  

Queda de árvore nas imediações do velório municipal - Fotos: Reprodução


 

últimas