MAIS BARATO!

Comércio local aposta na venda antecipada de produtos natalinos

Comércio local aposta na venda antecipada de produtos natalinos

Supermercados de Fernandópolis exploram a data como carro-chefe da campanha publicitária

Supermercados de Fernandópolis exploram a data como carro-chefe da campanha publicitária

Publicada há 2 semanas

Breno Guarnieri

O clima de Natal registrado em todo o comércio regional com decorações e promoções também é praticado nos supermercados de Fernandópolis. Alguns exploram a data como carro-chefe da campanha publicitária enquanto outros também apostam na venda de inúmeros itens que compõem a ceia natalina. O momento pode ser favorável, uma vez que próximo ao Natal e réveillon a tendência é de que a oferta/procura inflacione os preços.

Segundo apurou a reportagem, os itens mais comercializados, que já estão à disposição nas prateleiras desde o início de novembro, são os panetones, seguidos de nozes, avelãs, frutas cristalizadas, vinhos e as carnes. Aliás, neste setor o tradicional chester e o tender ditam o ritmo no setor de frios e carnes. 

“Eu já quis garantir, ao menos, o peru de Natal. Penso que agora será mais barato que perto do Natal. De fato parece que já é Natal, tem sempre algo já em oferta, principalmente o panetone. As crianças adoram”, destaca a dona de casa Maria Cibele, 55 anos. 

Para o professor Diego Moreira, 28 anos, as bebidas são fundamentais. “Gosto de espumantes e vinhos. Ainda não fui ao setor, mas imagino que já será possível comprar mesmo estando em novembro devido a toda a propaganda”, analisa. E o palpite foi certeiro, pois no setor de bebidas de vários estabelecimentos do município há sidras, champanhes e espumantes, alguns deles com embalagem que remetem inclusive ao réveillon.

Segundo Milton Manoel, gerente comercial de um supermercado da zona norte de Fernandópolis, a venda de espumantes ocorre com produtos de diversos tamanhos. “O público gosta, sai bastante e decidimos trazer uma boa remessa. Até meados de dezembro renovaremos o estoque”, comenta.

Itens mais comercializados, que já estão à disposição nas prateleiras desde o início de novembro, são os panetones


últimas