SALVE VIDAS!

Captação de medula óssea de doador fernandopolense é realizada com sucesso

Captação de medula óssea de doador fernandopolense é realizada com sucesso

Procedimento aconteceu nesta terça-feira, dia 18, na cidade de Jaú

Procedimento aconteceu nesta terça-feira, dia 18, na cidade de Jaú

Publicada há 1 mês

Da Redação 

Nesta terça-feira, dia 18, aconteceu no Hospital Amaral Carvalho, em Jaú, a cirurgia para captação da medula óssea do empresário fernandopolense Marcelo Melo, 32 anos, que vai salvar a vida de outro ser humano. Ele doará a medula para um homem do Rio de Janeiro. A cirurgia, de acordo com os médicos, foi considerada um sucesso.

Em uma rede social, Marcelo agradeceu o apoio e carinho de amigos e familiares. “Agradeço a todos que de alguma forma contribuíram, em especial minha amada noiva, que está comigo desde o início deste processo. Experiência extraordinária. Estou muito feliz, que está medula seja aceita, por este corpo, sou compatível 100%, porém, não sei quem é a pessoa, sou doador voluntário, mas creio que já deu tudo certo em nome de Jesus”, destacou. 

O PROCEDIMENTO

A coleta das células-tronco hematopoéticas é realizada em centros de transplante ou hemocentros públicos ou privados de todo o país autorizados pelo Ministério da Saúde e existem duas maneiras de obter estas células.

Na coleta de medula óssea, o procedimento ocorre em centro cirúrgico, sob anestesia peridural ou geral, e requer internação de 24 horas. As células serão coletadas através de punções na região pélvica posterior (osso do quadril) e dura cerca de 90 minutos.

Na doação por aférese, as células são coletadas diretamente da corrente sanguínea, através de um procedimento de aférese que dura cerca de 3 a 4 horas, mas, neste caso, o doador deverá receber uma medicação por 5 dias para estimular as células-tronco.

Procedimento em Marcelo foi realizado nesta terça-feira 

últimas