ALARDE

Hospital de Base vai bancar exame para identificar coronavírus

Hospital de Base vai bancar exame para identificar coronavírus

Medida foi tomada nesta quarta-feira (26) após notícia de caso suspeito da doença se espalhar pela cidade

Medida foi tomada nesta quarta-feira (26) após notícia de caso suspeito da doença se espalhar pela cidade

Publicada há 1 mês

Diretor executivo da Funfarme Jorge Fares

Da Redação

O Hospital de Base de Rio Preto vai realizar os exames de diagnóstico para o coronavírus na cidade. De acordo com apuração da reportagem do DLNews, a direção da instituição decidiu que inicialmente vai bancar os custos do diagnóstico, já que ele não é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A medida foi tomada nesta quarta-feira (26) após notícia de caso suspeito da doença se espalhar pela cidade. Instituição negou afirmação e disse que paciente, com histórico de viagem para Itália, chegou na unidade com sintomas de resfriado. 

"Os exames serão feitos em pacientes com perfil bem selecionados, que realmente passaram pela Itália e estiveram em situação de risco. Nós já estamos comprando os materiais necessários e o serviço já estará disponível”, afirmou diretor executivo da Funfarme, Dr. Jorge Fares. Cada exame vai custar em torno de R$ 200, de acordo com a instituição.

Uma reunião foi realizada na tarde desta quarta-feira para decidir como viabilizar os exames para a população. O procedimento irá agilizar o diagnóstico local do paciente, uma vez que o hospital deixa de depender do exame oficial que no estado de São Paulo é feito pelo Instituto Adolf Lutz. A medida também agiliza o acionamento de um plano de contingência no município.

Os laboratórios de referência nacional para diagnóstico de coronavírus no Brasil, segundo o Ministério da Saúde, são:Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz-RJ), Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo, e Instituto Evandro Chagas (IEC), no Pará.

Alarde
Hoje de manhã a instituição negou, por meio de nota, que esteja investigando um caso suspeito de coronavírus na cidade. O paciente, vindo da Itália, apresentava sintomas respiratórios, mas já foi liberado e está em casa.

"O núcleo epidemiológico da Secretaria de Saúde já está em contato com o paciente para recolher o material e enviar para o Hospital de Base, que fará o exame para o diagnóstico”, afirma Fares. 

Segundo a unidade, o paciente será submetido aos exames de Influenza - caso o resultado dê positivo, não será feito o exame para coronavírus. O diagnóstico para o coronavírus leva em torno de quatro dias para ficar pronto. 

A Secretaria de Saúde de Rio Preto também afirmou que não há nenhuma notificação.

"A Secretaria de Saúde de São José do Rio Preto informa que até o momento não foi comunicada por nenhum órgão estadual ou municipal de saúde sobre caso suspeito ou confirmado de coronavírus na cidade. Deste modo, até agora, qualquer informação contrária à divulgada pela Secretaria de Saúde do município se trata de boato e fake news. É preciso cuidado e responsabilidade ao divulgar ou repassar informações sobre o coronavírus para que não se leve pânico à população. A Secretaria Municipal de Saúde trabalha com responsabilidade e em contato permanente com autoridades nacionais e estaduais no sentido de prevenir e combater qualquer doença e os munícipes e à imprensa serão informados sempre que houver  qualquer comunicado relevante a ser feito", diz nota.

A assessoria de imprensa do HB disse que não existe nenhuma investigação neste sentido. A nota afirma que um paciente, na madrugada de terça-feira (25), chegou na instituição com sintomas de resfriado e histórico de viagem para Itália. Até esta quarta (26), mais de 320 pessoas foram infectadas e 11 morreram na Itália por conta do novo coronavírus. 

Seguindo o protocolo do Ministério da Saúde, a Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo foi avisada e o caso foi classificado como resfriado uma vez que o paciente não apresentou febre. "O paciente não está internado no HB e está sendo monitorado pela Secretaria Municipal de Saúde em sua residência".

A nota termina dizendo que qualquer atualização sobre esse caso será informado à população. 

Até agora, apenas um caso da doença foi confirmado no Brasil.


Fonte: DL News

últimas