PLANO SP

Pessuto deve publicar Decreto regulamentando a abertura do comércio no final de semana

Pessuto deve publicar Decreto regulamentando a abertura do comércio no final de semana

Entenda como poderão funcionar lojas, shopping e escritórios, em Fernandópolis

Entenda como poderão funcionar lojas, shopping e escritórios, em Fernandópolis

Publicada há 1 mês

Comércio poderá abrir por quatro horas, de acordo com o Decreto estadual

Gustavo Jesus

O governo do Estado publicou nesta sexta-feira, 29, Decreto regulamentando a flexibilização da quarentena apresentada no Plano SP. O documento será o norte que os prefeitos deverão seguir para estabelecer os plano municipais de afrouxamento do isolamento social.

Fernandópolis, por pertencer a região de São José do Rio Preto, está classificada na cor laranja no mapa feito pela Secretaria de Saúde, e por isso adentrará na Fase 2 do programa.

De acordo com o estabelecido no Plano SP, estarão liberados para funcionar com atendimento ao público, a partir de segunda-feira, 1º, as atividades imobiliárias, concessionárias, escritórios, comércio em geral e os Shopping Centers.

As atividades liberadas na Fase 2 deverão funcionar com a 20% da capacidade, horário reduzido de apenas   quatro horas seguidas de funcionamento com atendimento ao público e adoção de protocolos padrões de higienização e controle de cada setor. As praças de alimentação de shoppings continuam proibidas de funcionar.

Continuarão impedidos de abrir as portas bares, restaurantes, salões de beleza e academias.

A regiões serão avaliadas periodicamente de acordo com os indicadores de saúde, verificando se cumprem os critérios para avançarem a uma fase de maior relaxamento a cada 14 dias ou voltar para uma fase mais restrita a cada 7 dias (ou imediatamente, caso haja evidência da piora da situação).

CRITÉRIOS PARA A RETOMADA
 
- A retomada consciente dos setores da economia começa a funcionar em 1º de junho. O estado está dividido em 17 Departamentos Regionais de Saúde, que estão categorizados segundo uma escala de cinco níveis de abertura econômica.

- Cada região poderá reabrir determinados setores de acordo com a fase em que se encontra. As regras são: média da taxa de ocupação de leitos de UTI exclusivas para pacientes com coronavírus, número de novas internações no mesmo período e o número de óbitos.

- A requalificação de fase para mais restritiva será feita semanalmente, caso a região tenha piora nos índices. Para que haja uma promoção a uma fase com menos restrições e mais aberturas, serão necessárias duas semanas.

- O Plano São Paulo dá autonomia para que prefeitos diminuam ou aumentem as restrições de acordo com os limites estabelecidos pelo Estado, desde que apresentem os pré-requisitos embasados em definições técnicas e científicas.

DECRETO EM FERNANDÓPOLIS

O prefeito André Pessuto (DEM) deve divulgar o Decreto estabelecendo o funcionamento do comércio em Fernandópolis neste final de semana. Ele e sua equipe devem, como foi rotina ao longo da quarentena, seguir as recomendações do governo do Estado em praticamente sua totalidade.


 

últimas