SUPERAÇÃO

Após longa espera, enfermeira de Votuporanga encontra doador com medula 100% compatível

Após longa espera, enfermeira de Votuporanga encontra doador com medula 100% compatível

Lilian Alves de Lima, já foi internada para o início dos procedimentos do transplante

Lilian Alves de Lima, já foi internada para o início dos procedimentos do transplante

Publicada há 1 semana

Da Redação

Depois de um longo período de angustia e espera, a enfermeira Lilian Alves de Lima, de 33 anos, que atua como gerente administrativa na Unidade de Saúde do Jardim Marin, em  Votuporanga, finalmente encontrou um doador de medula óssea compatível e iniciou os procedimentos para o transplante. Ela está internada em Rio Preto, onde sua nova medula, 100% compatível, já a espera.

O caso de Lilian Alves ganhou as redes sociais na primeira semana do mês de março por meio do Projeto Seja um Herói, Salve Vidas, de Fernandópolis, onde a família dela vive. O trabalho busca doadores em todas as cidades da região, o que resultou num cadastro muito grande de pessoas junto ao Redome (Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea). Foi de lá que saiu a salvação de Lilian.

“Quero muito compartilhar aquilo que Deus tem feito na minha vida. Eu confiei porque Ele pode infinitamente fazer mais do que pensamos, daquilo que programamos. Ele vem e faz melhor. É com imensa alegria e muita gratidão a Deus que venho comunicar a todos os meus familiares, amigos que encontramos um doador compatível no Redome. Sou extremamente grata por cada um que tem orado por mim e quem tem vivido este momento comigo”, disse Lilian ao receber a notícia.

Gratidão, aliás, é a palavra mais utilizada pela enfermeira desde que recebeu a notícia. Sua família chegou a realizar uma carreata pelas ruas da cidade em comemoração. “Gratidão ao meu doador que salvou a minha vida, que vai salvar a da minha filha e a da minha família e de todos aqueles que me amam. Sou muito grata a tudo que a minha família tem feito”, disse Lilian depois que chegou ao hospital.

A alegria é visível e também compartilhada com os amigos por meio das redes sociais. As expressões curtas e precisas mostram o tamanho de sua felicidade.

“Compartilho com vocês que fui informada hoje que minha Medula já está aqui em Rio Preto. E ela é 100% compatível. Igualzinha à minha. A médica disse que ‘ela é 10/10’. É Deus! Não tem outra explicação. Gratidão, gratidão, gratidão. Já estou aqui internada, realizei exame do Covid-19 e estou em isolamento em um quarto provisório. Assim que sair o resultado, vamos para o quarto onde será o tratamento. Estamos realizando alguns exames, amanhã (no caso hoje, dia 30) é a passagem do cateter. Orem por mim”, postou Lilian em sua rede social.

Sobre o futuro, ela não tem dúvida de que a sua cura já chegou. E mais uma vez o dedo de Deus estava apontando em sua direção.

“Sinto como se Deus tivesse me feito ganhar na loteria da vida quando penso em estatística, mas quando olho para o pai vejo que todas as coisas são possíveis para aquele crê. E Ele tem me permitido viver do sobrenatural. Eu serei eternamente grata a Deus por isso”, concluiu. 


Fonte: A Cidade Votuporanga / Franclin Duarte  


últimas