CRITÉRIOS

Números indicam permanência de Fernandópolis e região na fase laranja do Plano SP por mais 14 dias

Números indicam permanência de Fernandópolis e região na fase laranja do Plano SP por mais 14 dias

Apenas alguma decisão excepcional do governo do Estado mudará o status da DRS de Rio Preto

Apenas alguma decisão excepcional do governo do Estado mudará o status da DRS de Rio Preto

Publicada há 1 mês

Região está "no laranja" desde o início do Plano SP

Gustavo Jesus

A região da Diretoria Regional de Saúde (DRS) de São José do Rio Preto, deve ser confirmada novamente na fase laranja do Plano SP. Os dados para balizar tal afirmação foram divulgados nesta quinta-feira, 6, pelo Governo do Estado de SP.

De acordo com os dados disponibilizados pela Fundação Seade, a região, que inclui Fernandópolis, teve nesta última semana queda de 27,3% nos óbitos e aumento de 4,2% na quantidade de casos e de 21,8% nas internações. Este último índice é o maior responsável pela manutenção da área da DRS nesta fase.

Isso ocorre porque as internações – considerando-se UTI e enfermaria -, tem peso 3 no cálculo do critério Evolução da Pandemia. Mesmo com a queda nos óbitos e o ligeiro aumento nos casos não foram suficientes para classificar a região numa fase melhor.

No critério Capacidade do Sistema de Saúde os números também indicam a permanência na fase laranja, com 79,7% dos leitos de UTI ocupados e taxa de 23,1 vagas hospitalares por habitante. 

Existe uma margem de erro de 2,5% na taxa de UTI que pode fazer com que o governo classifique a região no vermelho, mas é pouco provável que isso ocorra de acordo com o histórico das atualizações.

Essa quarentena deve ser estendida até o dia 24 de agosto, impossibilitando assim que a região passe as quatro semanas necessárias na fase amarela para poder reabrir as escolas em 8 de setembro, como prevê o plano da Secretaria de Educação.

Essa vai ser a 10ª atualização do Plano SP e em todas elas a região permaneceu na fase laranja.

últimas