ELEIÇÕES

Justiça Eleitoral defere candidatura de Barão Lopes

Justiça Eleitoral defere candidatura de Barão Lopes

Prefeito de Estrela d'Oeste busca a reeleição

Prefeito de Estrela d'Oeste busca a reeleição

Publicada há 1 mês

Prefeito Barão Lopes teve candidatura deferida pela Justiça Eleitoral FOTO: Reprodução Facebook


Gustavo Jesus

A Justiça Eleitoral deferiu a candidatura do prefeito Barão Lopes (MDB), candidato a reeleição em Estrela d’Oeste. O juiz Mateus Lucatto de Campos não aceitou o pedido de impugnação impetrado pela chapa de oposição e garantiu Barão nas urnas no pleito de novembro.

A divulgação da decisão já foi feita pelo magistrado, mas ainda não consta no sistema da Justiça Eleitoral.

Na quinta-feira, 15, a Justiça estrelense negou o pedido de candidatura do adversário de Barão, o ex-prefeito Pedro Itiro (DEM). Campos indeferiu o pedido de Itiro baseado em condenação por improbidade administrativa quando o mesmo ainda era prefeito do município.

“Em conclusão, dos elementos constantes dos autos se verifica que, dentre as irregularidades identificadas nas de contas de 2016 reprovadas (em âmbito administrativo pela Câmara), há atos dolosos de improbidade relacionados à ausência e dispensa indevida de licitação, conforme já avaliado mediante cognição ampla e exauriente em processos autônomos de improbidade administrativa”.

Segundo o Despacho Itiro está inelegível por oito anos, a partir da rejeição de suas contas na Câmara ocorrida em abril de 2019.

O ex-prefeito, que administrou Estrela d’Oeste entre 2013 e 2016 poderá continuar com a sua campanha, inclusive sendo votado, enquanto recorre da decisão da Justiça estrelense.

últimas