IRREGULARIDADES

Vigilância Sanitária de Rio Preto manda interditar Muffato Max Atacadista

Vigilância Sanitária de Rio Preto manda interditar Muffato Max Atacadista

Foram, de acordo com a pasta, 16 constatações de irregularidades, nove autuações e seis multas

Foram, de acordo com a pasta, 16 constatações de irregularidades, nove autuações e seis multas

Publicada há 1 mês

A empresa descumpriu normas sanitárias de prevenção e combate à Covid-19 - Foto: Reprodução

Da Redação/DLNews

A Secretaria de Saúde de Rio Preto e a Vigilância Sanitária solicitaram interdição do hipermercado Muffato Max Atacadista da avenida Antonio Marques dos Santos. Isso porque, segundo o governo Edinho Araújo (MDB), a empresa descumpriu normas sanitárias de prevenção e combate à Covid-19.

Foram, de acordo com a pasta, 16 constatações de irregularidades, nove autuações e seis multas.

"A Secretaria Municipal de Saúde informa que a Vigilância Sanitária determinou a interdição das atividades do Muffato Max Atacadista da avenida Antonio Marques dos Santos, por descumprimento às normas sanitárias de prevenção e combate ao Covid 19. A penalidade está prevista no Código Sanitário Municipal. A empresa já havia sofrido 16 constatações de irregularidades, nove autuações e seis multas. Para voltar às atividades, deverá adotar as providências para que sejam atendidas as exigências das normas sanitárias", diz a nota enviada pela Prefeitura de Rio Preto.


Fonte: dlnews.com.br

últimas