POLÍTICA

Fernandópolis acaba de perder Hospital de Campanha

Fernandópolis acaba de perder Hospital de Campanha

Unidade será agora destinada a outra cidade da região

Unidade será agora destinada a outra cidade da região

Publicada há 1 ano

Fernandópolis acaba de perder Hospital de Campanha

A informação acaba de aportar dentre as lideranças políticas da cidade e, como tal, tudo que é imediatista, ainda é factível de mudanças.

Mas segundo comunicado que o vice-prefeito Artur Watson (PSDB) recebeu do secretário de Desenvolvimento Regional Marcos Vinholi, a unidade do Hospital de Campanha para receber pacientes da Covid-19 que seria instalada nas dependências do Centro de Reabilitação Lucy Montoro não virá mais para Fernandópolis.

De acordo com o secretário do governo estadual a motivação é por "questões judiciais contra a OSS que administra a unidade (Lucy Montoro) e por conta do Comitê Gestor da Rede Lucy Montoro que é contrário apoiado pelos municípios".

As vagas serão disponbilizadas para outro município da região (ainda a ser definido), mas que também tenha o mesmo centro de reabilitação para acomodar as instalações provisórias.

Na Câmara Municipal de Fernandópolis a questão foi novamente debatida durante reunião ordinária que ocorreu nesta manhã.

Contundentes críticas foram proferidas contra o governador João Doria pelo vereador Murilo Jacob (MDB), contrário à instalação do Hospital de Campanha no Lucy Montoro e favorável a sua implantação nas dependências da Santa Casa. Ele chegou a qualificá-lo como "o carniceiro do povo".

últimas