QUARTA DIVISÃO

Técnico português pede demissão 15 dias após ser apresentado por rival do Fefecê

Técnico português pede demissão 15 dias após ser apresentado por rival do Fefecê

Tiago Miguel Cardoso alega problemas na gestão do clube como fator fundamental para pedido de demissão

Tiago Miguel Cardoso alega problemas na gestão do clube como fator fundamental para pedido de demissão

Publicada há 4 meses

Da Redação

Durou exatos 15 dias a passagem de Tiago Miguel como técnico do América-SP. Apresentado no fim de fevereiro como comandante do time na quarta e última divisão do Campeonato Paulista, o português resolveu pedir demissão do cargo alegando problemas na gestão do clube.

Tiago Miguel disse que os problemas na gestão e a falta de entendimento na montagem do elenco foram determinantes para ele optar por pedir desligamento do clube.

"Deixei o América por ter muita coisa que não concordava, problema de gestão. É melhor parar por aqui, fiz tudo o que estava e não estava ao meu alcance. Infelizmente não deu certo. Não sei para onde vou, pois estou sem clube. Vamos ver o que me aparece, estava focado no América-SP. Estou à espera do próximo desafio", disse Tiago Miguel.

Segundo o presidente do América-SP, Luiz Donizette Prieto, conhecido como "Italiano", o técnico português tinha a intenção de aproveitar jogadores de categorias amadores na disputa da Segundona do Campeonato Paulista.

Desde que chegou ao América-SP, Tiago Miguel havia trazido 18 jogadores para período de testes, sendo que apenas quatro acabaram sendo aprovados, segundo o presidente do Rubro.

"Ele queria montar uma equipe com jogadores amadores de Minas Gerais, principalmente de Varginha. Ele trouxe 18 jogadores, sendo que aprovamos três ou quatro. Não posso entrar num campeonato difícil como é a Segundona com esses jogadores. Nossa diretoria não estava aceitando isso, disputar campeonato com jogadores de base. Ele pediu demissão e deixamos ir embora correndo, o América-SP é muito grande para fazer campeonato com jogadores de base. Vamos contratar jogadores que estão disputando A3, A2 e primeira divisão de outros estados. Estamos analisando alguns nomes e vamos anunciar o novo treinador em breve", rebateu o presidente do América.

GRUPO DO FEFECÊ

O América-SP estreia na Segundona do Campeonato Paulista no dia 24 de abril, fora de casa, contra a Inter de Bebedouro. O Rubro integra o Grupo 1, ao lado do time de Bebedouro, Andradina, Catanduva, Penapolense e Fernandópolis Futebol Clube (Fefecê).

Técnico Tiago Miguel ao lado do presidente do América-SP, Luiz Donizetti Prieto — Foto: Emílio Ribeiro Lima Junior


últimas