domingo, 19 de novembro de 2017
área do assinante
21/08/2017 14:44
Edição 3113

Cruze 2018: poucas novidades e preço mais alto

Repetidores de seta nos retrovisores e regulagem de altura do farol fazem modelo subir até R$ 2 mil

O modelo, desde a incorporação do motor 1.4 turbo, evoluiu muito, mas a Chevrolet, ao anunciar a linha 2018 do Cruze “brincou” com o consumidor brasileiro. Ele agora vem (já está disponível nas concessionárias) com o sistema de ajuste de altura dos faróis e também o repetidor de seta nos retrovisores externos. O problema é que esse pequeno acréscimo fez o carro subir até R$ 2 mil (dependendo da versão). 


Os preços são: 1.4T LT AT6 – R$ 92.990 (antes: R$ 91.890); 1.4T LTZ1 AT6 – R$ 104.990 (R$ 102.990) e 1.4T LTZ2 AT6 – R$ 114.990 (R$ 112.990). O motor continua o mesmo - o1.4 Ecotec Turbo Flex SIDI - só que com uma diferença: ao invés de importado do México, agora é o produzido na Argentina, mesmo local de produção do Cruze, q ue entrega 150 cv a 5.600 rpm com gasolina e 153 cv a 5.200 rpm com etanol. Os torques são de 24,0 kgfm a 2.100 rpm no derivado de petróleo e 24,5 kgfm a 2.000 rpm no derivado da cana. 


A transmissão automática tem seis velocidades e mudanças de marchas sequenciais. Chevrolet Cruze 2018 vem de sé- rie com rodas de liga leve aro 17 polegadas, ajuste de altura dos faróis, faróis de neblina, Isofix, sistema de som premium, banco traseiro bipartido, retrovisores com repetidores de dire- ção, computador de bordo, assistente de partida em rampa, controles de tração e estabilidade, bancos com revestimento premium, sistema de monitoramento da pressão dos pneus, multimídia MyLink com Android Auto e Apple CarPlay, OnStar no retrovisor e tela da multimídia, controle de cruzeiro, câmera de ré com sensor de estacionamento traseiro e Start&Stop. O LTZ tem outros acessórios.