EDUCAÇÃO

Escola de Duas Pontes promove atividade para reduzir o desperdício de alimentos

Escola de Duas Pontes promove atividade para reduzir o desperdício de alimentos

A finalidade foi promover uma reflexão, de forma lúdica, dos alunos sobre a conscientização para a redução do desperdício de alimentos na escola

A finalidade foi promover uma reflexão, de forma lúdica, dos alunos sobre a conscientização para a redução do desperdício de alimentos na escola

Publicada há 7 meses

Da Redação

A EMEF Manoel Joaquim Santana, de São João das Duas Pontes, município localizado a 20 quilômetros de Fernandópolis, realizou uma atividade com os estudantes dos 5º Anos sobre a produção e destino do lixo, ressaltando a importância da conscientização do desperdício dos alimentos.

De acordo com a direção da escola, a partir do acompanhamento, realizado pelos alunos, foi observado a quantidade de lixo orgânico produzido na instituição e seu destino. Com base nos dados, atitudes foram tomadas pela direção para que o lixo fosse diminuído a cada dia.

Durante o desenvolvimento da atividade escolar, os alunos entrevistaram a merendeira Maria Aparecida, responsável por servir os estudantes. Confira:

ALUNOS: Na escola os estudantes desperdiçam muita comida?

MARIA APARECIDA: Infelizmente sim.

ALUNOS: Qual período se desperdiça mais comida?

MARIA APARECIDA: No período da manhã.

ALUNOS: Há desperdício de muitas frutas?

MARIA APARECIDA: Das frutas não, pois somente comem os alunos que querem.

ALUNOS: No café da manhã, pão e leite são desperdiçados?

MARIA APARECIDA: Não, pelo tanto de aluno é muito difícil jogarem pão ou leite fora.

ALUNOS: As crianças desperdiçam muitas verduras e legumes?

MARIA APARECIDA: Em algumas saladas sim, com couve e almeirão.

ALUNOS: Vocês alertam as crianças para pegarem menos quantidade de comida?

MARIA APARECIDA: Sim, é muito importante o professor estar junto sempre auxiliando na quantidade que devemos colocar.

ALUNOS: Tem crianças que pedem bastante comida, mas desperdiçam? Há alguma medida para colocar a quantidade para cada aluno?

MARIA APARECIDA: Bem pouco, agora mudamos a medida da porção tendo melhor controle.

ALUNOS: Qual é o destino destes alimentos desperdiçados?

MARIA APARECIDA: Eles vão para a lavagem, alimentação de porcos.

DEPOIMENTO

“Se esse trabalho tivesse acontecido antes, teríamos ainda mais controle pois nunca paramos para pensar em pesar as sobras. É um absurdo por dia ter desperdiçado quase 9 kg de alimentos. A quantidade de comida é muito grande e dá para alimentar muitas pessoas. Nossa comida é maravilhosa. Incentivamos a comer e não desperdiçar”, completa Maria Aparecida.

DEPOIMENTO DOS ESTUDANTES

“Nossa experiência foi ótima, muito legal. Fizemos a escola inteira repensar e viramos fiscais do desperdício, sempre que uma pessoa joga comida fora alertamos sobre a quantidade de pessoas no mundo que não tem o que comer”. (ALUNOS DO 5ºB).


Entrevista feita pelos alunos da EMEF Manoel Joaquim Santana


Durante duas semanas, a direção da escola e os alunos, por meio da atividade, investigaram a quantidade de alimentos desperdiçados. Confira os gráficos com base nos dados coletados

últimas