INVESTIMENTOS

Coruripe e Rumo inauguram terminal de R$ 95 milhões em Iturama

Coruripe e Rumo inauguram terminal de R$ 95 milhões em Iturama

Transbordo rodoferroviário atenderá usinas de 4 estados e gerará até 300 empregos diretos

Transbordo rodoferroviário atenderá usinas de 4 estados e gerará até 300 empregos diretos

Publicada há 2 meses

Um dos maiores investimentos privados está sendo objeto de descerramento da placa inaugurativa na tarde desta quinta-feira, 09, na ‘vizinha’ Iturama-MG.

Trata-se do maior terminal rodoferroviário da região, incluindo o noroeste paulista, Triângulo Mineiro e área adjacente de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, que demandou investimentos de R$ 95 milhões e tem capacidade de movimentação de até 2 milhões de toneladas de açúcar por ano. A unidade sucroenergética faz transbordo rodoferroviário conectada ao trecho da Ferrovia Norte-Sul sob concessão da Rumo (batizado pela empresa de Malha Central), chegando até o Porto de Santos-SP.

O terminal, situado no quilômetro 15 da Rodovia BR-497, na zona rural de Iturama também atenderá outras usinas em um raio aproximado de 400 a 500 quilômetros, numa área de influência que abrange todo o Triângulo Mineiro e até as usinas do sul de Goiás.

A previsão inicial, reportada por esta coluna em outubro de 2020 (clique aqui para relembrar) era de investimentos da ordem de R$ 70 milhões e geração de até 300 empregos diretos.

Terminal em Fernandópolis

A usina mineira, que tem capacidade para até 300 caminhões/dia, está aproveitando a expansão da Ferrovia Norte-Sul, sendo que Coruripe possuí quatro unidades em solo mineiro (Iturama, Campo Florido, Carneirinho e Limeira do Oeste), uma em Alagoas (Coruripe) e um terminal ferroviário próprio em Fernandópolis-SP. A Usina Coruripe possui capacidade de moagem de 15 milhões de toneladas de cana-de-açúcar. A companhia produz, anualmente, mais de 1 milhão de toneladas de açúcar, cerca de 500 milhões de litros de etanol, além de comercializar energia renovável produzida a partir da queima de biomassa.

últimas