ESPORTE

Meia japonês se despede do Novorizontino sem jogar

Meia japonês se despede do Novorizontino sem jogar

Contratado por empréstimo, Daiki Matsuoka chegou a figurar em 22 jogos no banco de reservas, mas não entrou em campo

Contratado por empréstimo, Daiki Matsuoka chegou a figurar em 22 jogos no banco de reservas, mas não entrou em campo

Publicada há 2 meses

Da Redação 

Sem entrar em campo uma vez sequer, o meio-campista japonês Daiki Matsuoka se despediu do Novorizontino.

O jogador de 22 anos, que defende a seleção olímpica do seu país, foi contratado por empréstimo junto ao Shimizu S-Pulse em março deste ano. Ele deixou o clube com direito a festa da torcida na sua despedida e chegou ao Tigre concedendo entrevista coletiva.

No time paulista, porém, as chances de jogar não apareceram. Matsuoka chegou a ser relacionado para 22 jogos e figurou no banco de reservas em todas essas oportunidades, mas jamais entrou em campo.

– Gostaria de ter apresentado a todos meu futebol. Vou refletir e trabalhar duro todos os dias para ganhar força e alcançar meus objetivos. Obrigado pelas mensagens de apoio. Aos meus companheiros, torcedores e apoiadores, obrigado por sempre me incentivarem com palavras positivas, me ajudando e me dando forças. Estou profundamente grato pelos muitos encontros que tive. Me sinto confortado por estarem ao meu lado e sempre me apoiando , independentemente da situação. Estou muito grato a vocês – publicou o jogador em seu perfil no Instagram.

Durante a passagem pelo Novorizontino, Matsuoka voltou a ser convocado para defender a seleção olímpica do Japão.

O meia tem contrato com o Shimizu S-Pulse, que briga pelo acesso à primeira divisão do país, até janeiro de 2024.

Daiki Matsuoka se despede do Novorizontino — Foto: Gustavo Ribeiro/Novorizontino







últimas