POLÍTICA

Investimentos SP: Fernandópolis atrás de Jales e (muito) de Votuporanga

Investimentos SP: Fernandópolis atrás de Jales e (muito) de Votuporanga

Jales recebe mais que o dobro e Votuporanga 10 vezes mais que Fernandópolis

Jales recebe mais que o dobro e Votuporanga 10 vezes mais que Fernandópolis

Publicada há 3 meses

Ainda não foram apresentadas justificativas minimamente plausíveis para a dissimetria de tratamento dada aos municípios vizinhos, e a diferença de volume dos recursos angariados por Votuporanga, Jales e Fernandópolis junto ao governo estadual, abre portas para diversas especulações, que vão desde falta de representatividade estadual e municipal, desalinhamento político e até vingança; outros relatam que, brevemente, haverá nova partilha de investimentos e, nesta vez, Fernandópolis será melhor recompensado.

Mas vamos aos fatos!

Em cerimonial ocorrido na última semana no Palácio dos Bandeirantes, o governador Tarcísio de Freitas (Republicanos), junto a deputados estaduais, repassou recursos – através de assinaturas de convênios – com diversos entes municipais, inclusive da região noroeste paulista.

Especificamente por aqui, Fernandópolis, Jales e Votuporanga foram contemplados.

Para a primeiro, por indicação do edil Daniel Arroio e através de encaminhamento da deputada Analice Fernandes, foram destinados R$ 500 mil para obras de infraestrutura. O valor deve ser utilizado, conforme adiantou o prefeito André Pessuto (UB), para ações de recapeamento.

Já para Jales foi concedido R$ 1.250 milhão, que também tem destinação certa encaminhada pelo prefeito Luis Henrique (PSD): R$ 300 mil para a construção de uma pista de skate, esporte que se tornou modalidade olímpica, e R$ 950 mil para investimentos em infraestrutura. Ambos com as digitais da mesma parlamentar.

Agora vem Votuporanga! Pois para as terras do alcaide Jorge Seba (PSD) foram destinados ‘módicos’ R$ 5 milhões. Isso mesmo! Dez vezes a mais que o recebido por seu vizinho Pessuto. O recurso, obviamente trabalhado pelo deputado Carlão Pignatari, vem carimbado para a obra de revitalização da Avenida Emílio Arroyo Hernandes, na região norte.

Porém André, utilizando a futurologia, afirmou que em “breve teremos mais novidades para a nossa cidade”, sinalizando possível recebimento de mais recursos, provavelmente de forma mais equalitária.

O problema é que o mesmo que Pessuto espera para Fernandópolis, no futuro, também Luiz Henrique Moreira aspira para Jales e Jorge Seba para Votuporanga. Talvez até um pouco mais novamente!

O texto é de livre manifestação do signatário que apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados e não reflete, necessariamente, a opinião do 'O Extra.net'.

últimas